Impotência em diabéticos: Dicas e Tratamentos

Para que uma ereção aconteça, é preciso que uma série de funções do organismo estejam em bom funcionamento, como nervos, músculos, cérebro, neurônios, sistema circulatório e muito mais.

Seguindo essa lógica, quando algum desses fatores não vai bem, isso pode sim se refletir na qualidade das ereções e na diminuição do desempenho sexual masculino, levando ao que é chamado de disfunção erétil ou impotência.

Portanto, é fato que a diabetes pode sim levar um homem à impotência, visto que é uma condição que promove uma série de alterações vasculares que prejudicam a circulação.

Para entender um pouco melhor sobre essa questão, continue lendo e veja os detalhes.

Por que o diabetes causa impotência sexual?

Primeiramente é essencial lembrar que falhas eventuais não caracterizam impotência e todo homem pode ter dificuldade de desempenho de vez em quando, até mesmo por problemas emocionais.

Já a disfunção erétil é uma condição caracterizada pela incapacidade permanente de ter uma ereção que seja suficiente para o ato sexual.

Embora seja comum em homens de todas as idades, ela é mais frequente em homens mais velhos e se manifesta cerca de 5 a 10 anos depois do diagnóstico de diabetes.

A diabetes, por dia vez, é uma condição caracterizada pelo aumento dos níveis sanguíneos de açúcar, também chamada de hiperglicemia.

No princípio, essa alta costuma afetar pequenos vasos, bem como retina e rins. No entanto, com a sua evolução, pode afetar também os vasos de maior calibre, trazendo consequências mais graves.

Assim, com essa elevação nos níveis de açúcar no sangue, o paciente apresentará uma maior dificuldade na movimentação do mesmo nos vasos, pois ele fica mais viscoso.

Com isso, a circulação sanguínea diminui, especialmente nas extremidades do corpo, mas também em regiões com vasos menores.

Para que o pênis possa ficar ereto, ele precisa ser completamente preenchido de sangue, o que para um diabético é mais difícil, levando a apresentar problemas de ereção, a não ser que ele faça uso do motumbo que é um produto natural para melhorar a ereção.

Como evitar a impotência por diabetes?

O mais importante de tudo é estar com o diabetes controlado, ou seja, controlar os níveis glicêmicos.

No entanto, é preciso também mudar outros aspectos da vida, abandonando o sedentarismo, cuidando da pressão arterial, não fumar e controlar o consumo de álcool.

Com essas medidas de um estilo de vida mais saudável, é possível manter as doenças sob controle e também prevenir futuros problemas, garantindo uma qualidade de vida por mais tempo.

Pronto, agora você já sabe da relação entre diabetes e impotência sexual!